sábado, 8 de maio de 2010

das coisas que te farão inesquecível*

"só enquanto eu respirar..."
o teatro mágico



toda vez que eu for assistir a um show, me lembrarei dos seus comentários sobre o som. irei a frente do palco e tentarei enxergar quais são os instrumentos, as caixas, qual é a marca que o cara usa. e quando eu for comprar calcinhas, me lembrarei que vc gosta das mais simples, de algodão. pretas ou vermelhas. mas que não escondam tanto o meu bumbum.
quando chegar uma revista nova, lembrarei de você folheando as velhas espalhadas pelo meu quarto. das suas rizadas sobre as matérias e da pergunta: porque você assina isso, Carolina?
todos os dias, quando acordar, me lembrarei de você ainda aqui na minha cama. tomando conta do meu travesseiro. se enrolando no meu edredon. me agarrando e tirando casquinha de mim. você, com sua cara amassada, seu cabelo desajeitado, sua boca sexy fazendo bico. seu corpo jogado na minha cama assim, de qualquer jeito. sua roupa jogada pelo chão, de qualquer jeito. e eu, jogada em qualquer lugar. perdidamente apaixonada. e querendo acordar com você todos os dias.



*texto pensado durante o show de ontem, aqui em Ouro Preto, do O Teatro Mágico e escrito agora, na manhã seguinte. uma noite inesquecível. uma manhã pra sempre desejada.

16 comentários:

Luna Sanchez disse...

Ai, meu Deus...que delicia, Carol! =)

Espero que a alegria se estenda pela tarde toda...

Beijocas, minha flor!

ℓυηα

Gabriela F. disse...

As lembranças são nossas maiores companheiras, né?
Ficou MUITO lindo! adorei
beijo

Rebeca Amaral disse...

mentira! que inveja de ti. sou fascinada por 'O Teatro Mágico'. ai, ai...

Alexandre Fernandes disse...

Eu infelizmente nunca assisti um show deles. MAs ainda tenho vontade.

E não duvido da inspiração que o show deles deve dar. Eles são feras. deve ser surreal né?

O texto ficou maravilhoso Carol. Gostei demais.

=)

Beijocas.
Se cuida.

Jaya Magalhães disse...

Esse teu texto lindo e cheio de delicadezinhas, me fez ter vontade de escrever um outro. "Das coisas que te fizeram inesquecível". São pequenezas que a gente carrega pela vida inteira, não? O amor e seus retalhos...

Lindo. Lindo mesmo.

Beijo, amore.

P.S.: Dei uma pausa na pausa, hoje.

Jaya Magalhães disse...

Sei lá, hoje eu ouvi aquela musiquinha: oh, Carol! I'm bit a fool... E poderia me lembrar de um monte de Carol, mas lembrei de você.

Não sei porquê. Não sei.

Beijo, bêibe.

Michele disse...

Delícia de texto, de lembranças, de amanhecer!!! É esse tipo de amor que a gente deseja ter a vida toda à tiracolo...

Beijo, Carol!
Boa noite!

Mågø Mër£Îm disse...

Teatro Mágico faz bem pra Alma...rs

Eva Cidrack. disse...

Qualquer show d'O Teatro Mágico inspira muuitos textos mesmo. Engraçado como a gente lembra de cada detalhe, cada preferência, mesmo quando faz a sós, não é?!
Adorei o texto. :)

Gabriela F. disse...

Querida, selo para ti, lá no blog!
beijos

Hosana Lemos disse...

realmente não tem como não se tornar inesquecível!
que lindoooo
*-*

teatro mágico?
adoroooo

Luna Sanchez disse...

Saudadinha.

=**

ℓυηα

Bill Falcão disse...

Certos artistas nos inspiram, sem dúvida!
Bjoo!!

Paulinha disse...

Delícia, hein?!
*.*

Jaya Magalhães disse...

Obrigada, Cá. É tão bom receber você. Tão reconfortante. Sabe, aquele texto era para ter sido escrito há tempos, mas algo sempre me impedia. Não sei explicar. Sei que aqui, dentro de mim, ele já vinha sendo arrumado há meses. Precisei que saísse para tirar todo o meu engasgo. Foi necessário. E doce. (:

Obrigada de novo. E sempre. E vê se posta que não tem graça nenhuma esse sumiço das letras. ¬¬

Beijo enorme.

Jaya Magalhães disse...
Este comentário foi removido pelo autor.